in , ,

Rússia anuncia que testes de vacina contra covid-19 foram um sucesso e pretende começar imunização da população em agosto

A Rússia, um dos maiores países do mundo, pode se tornar a primeira nação a imunizar sua população contra a covid-19. De acordo com a agência estatal TASS, a vacina da Universidade Sechenov já foi aprovada em testes clínicos e, além de segura, é eficaz.

PUBLICIDADE

Yelena Smolyarchuk, chefe no centro de pesquisas clínicas da Universidade, confirmou a informação para a agência. A vacina foi fruto de uma pesquisa bancada pelo governo russo, desenvolvida no Centro Nacional de Pesquisa para Epidemiologia e Microbiologia Gamalei.

De acordo com Alexander Gintsburg, diretor no centro, os envolvidos estão confiantes de que a vacina comece a ser aplicada ainda em agosto deste ano. A projeção é a mais otimista do mundo. Estudo chineses, britânicos, australianos e norte-americanos preveem suas vacinas para 2021.

PUBLICIDADE

A aplicação, no entanto, embora esteja sendo anunciada com muito otimismo, seria equivalente ao que se chama de fase 3, porque ainda seria acompanhada pelo centro de pesquisas. Isso significa que, mesmo sendo segura, os pesquisadores ainda estão em busca de mais dados sobre a interação da vacina com o corpo humano.Ainda assim, a Rússia continua na frente. O fim desta fase está prevista para setembro e, a partir daí, a ideia é que a vacina comece a ser produzida em um volume massivo por laboratórios privados de todo o país, como defende Gintsburg.

Ao todo, 19 vacinas estão sendo desenvolvidas no mundo e apenas 2 chegaram na 3º fase de testes: a chinesa da Sinopharm e a britânica da Universidade de Oxford. Ambas as pesquisas tiveram parte dos testes aplicados no Brasil.

PUBLICIDADE

A vacina russa saiu na frente porque começou seus testes clínicos ainda em junho, de forma precoce.

Um grupo de 38 voluntários foi reunido, todos remunerados, para os testes. Os indivíduos  passaram um período de 28 dias em isolamento para serem observados e protegidos de outras infecções. Parte deles vão receber alta e vão continuar o monitoramento de suas casas a parits de quarta-feira (15).

 

 

Via: uol.com.br

PUBLICIDADE

Escrito por Roberta R

Notícias diárias, cobrindo que acontece de mais interessante no Brasil e no mundo. Notícias curiosas, interessantes e cobertura dos famosos.